terça-feira, 4 de agosto de 2015

A importante tarefa dos pais...

A educação no lar continua sendo a mais eficiente pedagogia de amparo às crianças. Que os pais não releguem essa sublime tarefa para as escolas do mundo, porque, sabidamente, a educação meramente intelectual dificilmente consegue alcançar o cerne espiritual da criatura humana. Equações matemáticas não logram atingir o coração da criança e do jovem, aformoseando-o aos princípios da ética e do amor.
Somente na intimidade doméstica os pais conseguirão, com esforço e perseverança, oferecer os alicerces morais para os filhos que, em última análise, são espíritos reencetando uma nova experiência reencarnatória. São crianças com um passado de luz e sombras, e que agora desfrutam de uma nova oportunidade para reeducarem suas almas dentro do equilíbrio entre o amor e a razão. Não custa reafirmar o milenar conceito de que os pais são os primeiros e os mais importantes educadores da criança.
Por conta dessa responsabilidade, os pais também devem velar pela educação religiosa dos filhos. É na família que a criança ouvirá ser pronunciada pela primeira vez a palavra de Deus. E quão pouco os pais tem falado de Deus ultimamente, quão pouco tem apresentado aos filhos os ensinamentos de Jesus. Mais tarde, quando os jovens estiverem mergulhados numa sociedade que vive tormentosa crise de valores ético-morais, quando os mercadores de drogas ganharem a mente de nossos filhos, vazia  de princípios espirituais, aí haveremos de lamentar o tempo que não nos dispusemos a orar ao lado deles, a falar-lhes de Jesus, a revelar-lhes as leis espirituais que regem a vida, preenchendo suas mentes e corações com valores que lhes seriam fundamentais a um comportamento pautado no equilíbrio e na responsabilidade.
Os pais, que tanto investem na educação intelectual dos filhos, precisariam se dar conta que de nada vale uma cabeça hipertrofiada de conhecimentos se o coração estiver vazio de amor. É o coração que ilumina o nosso raciocínio. Por isso, o Evangelho de Jesus é a melhor terapêutica disponível para a formação da inteligência emocional dos nossos filhos.
A Terra se transformaria rapidamente num mundo feliz se os ensinamentos de Jesus recebessem maior atenção dos pais da na vida em família.
 
(Recados do meu Coração - José Carlos De Lucca - Espírito Bezerra de Menezes - Ed. Intelítera - Palavras de Luz - Jornal do Grupo Espírita Francisco Xavier - nº 152 - junho/2015)

Tédio

Descobri que estou entendiado, sem entusiasmo. Você disse para nos aceitarmos do jeito que somos. Não consigo aceitar a vida, sabendo que, ...